Samuel Morse


Samuel Finley Breese Morse

Inventor norte-americano que ganhou notoriedade em todo o mundo depois de projetar o sistema de comunicação por meio de sinais, conhecido como código Morse.

27/04/1791  02/04/1872

O pintor e inventor norte-americano Samuel Finley Breese Morse nasceu em Charleston, Massachusetts em 1791, filho do reverendo Jedidiah Morse, compilador da primeira geografia americana. Graduado no Yale College em 1810, Samuel Morse se interessava por eletricidade, fenômeno até então pouco compreendido, mas seu gosto por retratos em miniatura e pela pintura romântica lhe fez, inicialmente, se dedicar às Artes. Assim, entre os anos de 1810 e 1815, Morse foi estudar pintura e desenho no Reino Unido. Neste período, durante uma viagem pela França, conheceu Louis-Jacques Daguerre, que também era pintor e havia inventado um processo de fixação de imagens, precursor da fotografia, que ficou conhecido como daguerreótipo. Morse então levou para os Estados Unidos o novo método fotográfico e lá o desenvolveu. O sucesso da nova técnica foi o primeiro passo para a fundação, em 1826, da National Academy of Design, da qual se tornou presidente. Em 1832, quando soube que, um ano antes, em 1831, o cientista inglês Michael Faraday havia comprovado que impulsos elétricos podiam ser transmitidos através de fios e, também, que o físico norte-americano Joseph Henry havia criado o primeiro eletromagneto, Morse voltou a se interessar por ciência e resolveu dedicar-se ao desenvolvimento de transmissores e receptores de sinais elétricos. Assim, em 1838, após alguns anos de estudo, Morse conectou diversos equipamentos magnéticos e construiu seu primeiro aparelho telegráfico, apresentando-o ao presidente Martin Van Buren, em Nova York, na mesma ocasião em que revelou ao mundo o código Morse, primeiro sistema eficiente de comunicação através de fios. Em 1942, Samuel Morse iniciou suas experiências com cabos telegráficos submarinos e, no mesmo ano, obteve do Congresso recursos financeiros para instalar a primeira linha telegráfica comercial dos Estados Unidos, que ligou as cidades de Baltimore e Washington. Na inauguração, em 1844, Morse transmitiu sua primeira mensagem: What hath God wrought! (Que obra fez Deus!). A partir de então, teve de enfrentar uma longa batalha judicial com seus sócios pelos direitos de patente, cuja disputa terminou em 1854 quando a Suprema Corte dos Estados Unidos lhe deu ganho de causa. O telégrafo só começou a render-lhe dinheiro em 1958, quando Morse conseguiu vender seu sistema para outros países, entre eles, Áustria, Bélgica, França, Noruega, Rússia, Suécia e Turquia, fazendo com que ficasse famoso por todo o mundo. Samuel Morse morreu em Nova York, no dia 2 de abril de 1872.





Membros Instituidores e Mantenedores:

ABCE CEMIG LIGHT ITAIPU BINACIONAL ELETROBRAS

Esta página está homologada para ser utilizada no navegador (browser) Mozila Firefox.
Caso você não o tenha instalado em sua máquina, utilize o link abaixo para baixá-lo.

Firefox