Personalidades do Setor
Joubert Diniz
Compartilhar
Nome
Joubert Diniz
Nome para referências
Diniz, Joubert C., 1933-
Verbete

Joubert Diniz nasceu em 22 de junho de 1933, em Belo Horizonte, Minas Gerais. No ano de 1956, graduou-se como engenheiro civil pela Escola de Engenharia da Universidade de Minas Gerais.

No ano seguinte, o titular pós graduou-se na Universidade do Colorado nos Estados Unidos da América, com ênfase em Engenharia Hidrelétrica. Iniciou sua trajetória profissional na área de energia elétrica na Companhia Energética de Minas Gerais S.A - Cemig, no período de 1958 a 1967, desenvolvendo as funções de engenheiro de campo na construção da Usina Hidrelétrica Três Marias, assistente da Diretoria de Operação e da presidência para assuntos energéticos, assistente do Grupo Canambra a respeito dos estudos energéticos da região Centro-Sul do Brasil. Acrescenta-se, ainda, estágio no Canadá, na Montreal Engineering Co.; Quebec Hidroelectric Commision; Calgary Power Co.; British Columbia Hydro & Power Authorithy, durante 10 meses. No Ministério das Minas e Energia - MME, Joubert atuou como assistente do ministro, participando dos Grupos de Trabalho Interministeriais para a implantação da primeira central nuclear do Brasil, de estudos da política tarifária de energia elétrica e do grupo para a conclusão da Usina Hidrelétrica Casca III, no Mato Grosso, entre os anos de 1967 a 1969.

Joubert Diniz também trabalhou na Centrais Elétricas Brasileiras S.A - Eletrobras como chefe do Departamento de Planejamento, onde atuou no desenvolvimento e aplicação de tecnologia para estudos de mercado de energia elétrica e projeções de consumo para os sistemas elétricos brasileiros. Desempenhou na mesma empresa os cargos de supervisor, coordenador e principal redator do estudo especial, intitulado “Power Market Study and Forecast for South-Central Brazil”, solicitado pelo Banco Mundial. Durante sua contribuição na Eletrobras, colaborou como ligação entre a central elétrica e o Ministério de Minas e Energia, o qual já havia feito parte. Na oportunidade, viajou ao Japão para um breve estágio em organização, políticas e práticas do setor de energia elétrica japonês. Para além da experiência no setor de energia elétrica, Diniz foi diretor do Instituto Brasileiro de Siderurgia - IBS, no Rio de Janeiro, de 1971 a 1975.

No campo siderúrgico, o titular ocupou, em abril de 1971, o cargo de diretor comercial da Companhia Siderúrgica Nacional - CSN, responsável pela comercialização dos produtos da empresa, no Brasil e no exterior, onde esteve negociando produtos siderúrgicos em países como Estados Unidos, Canadá, Japão, Rússia, Alemanha, França, Inglaterra, Itália, Espanha, Grécia, Bulgária, África do Sul e Argentina. Ainda nessa companhia, Joubert tornou-se vice-presidente executivo, de 1975 a setembro de 1976, encarregado da supervisão e coordenação das atividades de abastecimento de matéria-prima, produto, comercialização, pessoal, planejamento, expansão, controle e finanças de curto prazo. No período de março de 1974 a setembro de 1976, Joubert Diniz foi presidente do grupo de trabalho para a reorganização administrativa da CSN, onde a firma Arthur D. Little - ADL assumiu o papel de consultora. Na área de consultoria, Joubert Diniz foi consultor especial para o Place - Plano Latino Americano de Cooperação Energética na Organização Latino-Americana de Energia - Olade, no período de julho a agosto de 1981.

Na Transcon S.A, o engenheiro ocupou o cargo de vice-presidente da empresa, que atuava como consultora técnica no setor de transportes em geral, inclusive com projetos no exterior no país, de 1976 a 1982. Na Brazco Comércio Internacional Ltda., constituída em 27 de setembro de 1977, Joubert foi sócio majoritário e gerente-geral, dessa empresa comercial importadora e exportadora, atuando como intermediadora de negócios. A empresa exerceu assessoria na área de gestão empresarial em geral devido a sua expertise na análise, desenvolvimento e planejamento mercadológico; na elaboração, acompanhamento e execução de contratos; consultoria e/ou assessoria na área de comércio internacional às empresas brasileiras exportadoras e/ou importadoras e na representação de empresas internacionais interessadas em importar do Brasil, como: Aço Minas Gerais - Açominas; Companhia Siderúrgica de Tubarão - CST; Usinas Siderúrgicas de Minas Gerais - Usiminas; Companhia Siderúrgica Mendes Júnior - SMJ; Companhia Siderúrgica Nacional - CSN; Companhia Siderúrgica Belgo Mineira; Aços Finos Piratini; Companhia Ferro e Aço de Vitória - Cofavi; Usina Siderúrgica da Bahia - Usiba.

Em 2006, a empresa mudou de sede, sendo transferida para Poços de Caldas (MG), alterando o seu nome para Diniz e Aguirre Comércio e Consultoria Ltda, e, em 2012, foi novamente deslocada para Belo Horizonte, onde sua estrutura societária foi alterada, assim como seu nome, passando para CDN Comércio e Consultoria Ltda. Acrescenta-se ainda na vasta trajetória de Joubert Diniz, seu trabalho voluntário por meio de palestras, na Agência para o Desenvolvimento Integrado das Regiões Sul e Sudoeste de Minas Gerais, onde foi vice-presidente no ano de 2007. Sua participação como membro do Instituto Mineiro de Gestão das Águas - Igam e Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais - Semad, entre setembro de 2008 e junho de 2009. Ainda prestou consultoria, entre 2011 e 2012, para ACTS do Brasil Ltda, localizada em Nova Lima, Minas Gerais, a fim de desenvolver a melhoria e desempenho dos funcionários e da produtividade da empresa. 

Trajetória profissional

Companhia Energética de Minas Gerais S.A. - Cemig

Cargo: engenheiro de campo na construção da Usina Hidrelétrica Três Marias, Assistente da Diretoria de Operação e da presidência para assuntos energéticos Assistente do Grupo Canambra a respeito dos estudos energéticos da região Centro-Sul do Brasil

Início: 1958

Término: 1967

Ministério das Minas e Energia - MME

Cargo: Assistente do ministro,

Início: 1967

Término: 1969

Centrais Elétricas Brasileiras S.A. - Eletrobras

Cargo: Chefe do Departamento de Planejamento Eletrobras

Instituto Brasileiro de Siderurgia - IBS

Cargo: Diniz foi Diretor, Rio de Janeiro

Início: 1971

Término: 1975

Companhia Siderúrgica Nacional - CSN

Cargo: Diretor comercial da Companhia

Companhia Siderúrgica Nacional - CSN

Cargo: Vice-presidente executivo da Companhia

Início: 1975

Término: 1976

Companhia Siderúrgica Nacional - CSN

Cargo: Presidente do grupo de trabalho para a reorganização administrativa da CSN

Início: 1974

Término: 1976

Place - Plano Latino Americano de Cooperação Energética na Organização Latino-Americana de Energia - Olad

Cargo: Consultor especial para o Place

Inicio: julho 1981

Término: agosto de 1981

Transcon S.A

Cargo: Vice-presidente da empresa Transcon S.A.

Início: 1976

Término: 1982

Brazco Comércio Internacional Ltda.

Cargo: Sócio majoritário e gerente-geral da Brazco Comércio Internacional Ltda

Início: 1977

Membro do Instituto Mineiro de Gestão das Águas - Igam e Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais - Semad, entre setembro de 2008 e junho de 2009. Consultor, entre 2011 e 2012, para ACTS do Brasil Ltda, localizada em Nova Lima, Minas Gerais, a fim de desenvolver a melhoria e desempenho dos funcionários e da produtividade da empresa.

Formação Acadêmica

Curso: Engenharia civil. pela Escola de Engenharia da Universidade de Minas Gerais, em 1956.

Curso: Pós-graduação na Universidade do Colorado nos Estados Unidos da América, com ênfase em Engenharia Hidrelétrica, em 1957.

Local de nascimento
Belo Horizonte - MG