Privatização e reformas (1992-2009)

2000

Lançamento do Programa Prioritário de Termelétricas (PPT) pelo governo federal, visando a implantação de diversas usinas a gás natural no país.
Reservatório da Usina Hidrelétrica Ita, no rio Uruguai, entre os municípios de Aratiba (RS) e Ita (SC). S/d.Acervo Tractebel Energia

Entrada em operação da Usina Hidrelétrica Itá, maior hidrelétrica privada do país, localizada no rio Uruguai, na divisa dos municípios de Aratiba (RS) e Itá (SC). A conclusão das obras de aproveitamento foi levada a termo pela Centrais Geradoras do Sul do Brasil S.A. (Gerasul), em parceria com a Itá Energética S.A. (Itasa), consórcio formado pela empresas Odebrecht, Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e Cimentos Itambé. Em março de 2001, a usina atingiu a capacidade de 1.450 MW. Em 2002, a Gerasul passou à denominação Tractebel Energia S.A., que detém 1.000 MW do total de 1.450 MW de capacidade instalada da usina.

Vertedouro da Usina Hidrelétrica Ita, no rio Uruguai, entre os municípios de Aratiba (RS) e Ita (SC). S/d. Acervo Tractebel Energia










Membros Instituidores e Mantenedores:

ABCE CEMIG LIGHT ITAIPU BINACIONAL ELETROBRAS

Esta página está homologada para ser utilizada no navegador (browser) Mozila Firefox.
Caso você não o tenha instalado em sua máquina, utilize o link abaixo para baixá-lo.

Firefox