14/03/2017

Livro da Memória conta a história do avanço da eletrificação rural no Brasil

0   0

Narrativa das principais etapas e desafios do processo é contada com fotos e mapas inéditos

A Memória da Eletricidade lança, no dia 15 de março, na Fundação Biblioteca Nacional, o livro "Eletrificação rural no Brasil: uma visão histórica", que narra, com fotos e mapas inéditos, a saga do caminho percorrido até que o Brasil atingisse 92% de acesso dos domicílios rurais à eletricidade. Livro ilustrado e bilíngue (português-espanhol), "Eletrificação rural no Brasil: uma visão histórica" é uma publicação da Memória da Eletricidade, realizada com o apoio da Eletrobras e do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA).

A obra fala dos obstáculos que os processos de eletrificação rural precisaram superar, não só no Brasil, mas também nos EUA, na França e  no Canadá, cuja origem encontra-se no pequeno interesse das concessionárias elétricas na prestação do serviço fora dos grandes centros, ocasionado pelos altos custos técnicos de instalação e distribuição, associados à baixa densidade demográfica e à natureza sazonal do uso elétrico no campo. Em todos os países, foi somente com o incentivo estatal que a maior parte das lavouras e domicílios rurais passaram a contar com energia elétrica, possibilitando não só a modernização da agricultura e o aumento da produtividade, por intermédio do uso crescente de processos mecânicos, mas também a maior qualidade na vida doméstica rural.

No Brasil, o principal ganhador do processo de eletrificação rural, para o coordenador editorial da publicação, Paulo Brandi Cachapuz, foi o homem do campo. "Antes da chegada da energia elétrica ao meio rural, a produção agrícola dependia muito mais da força muscular humana e animal. Então, quando se fala em eletrificação rural, estamos falando em significativos ganhos econômicos a nível nacional, proporcionados pelo aumento da produtividade através da mecanização, mas também na melhoria das condições de vida de muitos brasileiros".

Para o presidente da Memória da Eletricidade, Mario Santos, é de suma importância reconhecer o notável esforço realizado pelos agentes do setor elétrico em prol da universalização do atendimento à população rural brasileira. "Com este livro, reafirmamos o nosso compromisso de contribuir para o conhecimento mais amplo da história da energia elétrica no Brasil e do papel essencial que ela desempenha no desenvolvimento nacional", avalia o executivo.

Sobre a Memória da Eletricidade 

O Centro da Memória da Eletricidade no Brasil - Memória da Eletricidade é uma entidade cultural sem fins econômicos, instituída em 1986 por iniciativa da Eletrobras, e mantida por empresas e órgãos do setor de energia elétrica brasileiro. Seu objetivo é preservar a história da formação e do desenvolvimento da indústria da eletricidade no país. 

Fonte:





Membros Instituidores e Mantenedores:

Eletrobras Eletrobras Eletrobras Eletrobras

Esta página está homologada para ser utilizada no navegador (browser) Mozila Firefox.
Caso você não o tenha instalado em sua máquina, utilize o link abaixo para baixá-lo.

Firefox