Emil Berliner


Emil Berliner

Inventor germânico que, entre seus feitos, aperfeiçoou o telefone e inventou o gramofone.

03/05/1851  03/08/1929

Emil Berliner nasceu em 1851 em Hanover, na Alemanha, e emigrou para os Estados Unidos em 1870, estabelecendo-se em Washington. Depois de certo tempo trabalhando em um estábulo, Berliner, interessado pela recém-criada tecnologia do telefone, passou a fazer pesquisas tentando melhorar um transmissor de Alexander Graham Bell, um dos primeiros tipos de microfone. Em 1876, Berliner requereu uma série de patentes de aperfeiçoamentos nos aparelhos de Bell e conseguiu tornar-se inspetor-chefe da Bell Telephone Company, em Boston, onde trabalhou de 1877 a 1883. Em 1885, ao voltar para Washington, Berliner estabeleceu-se como pesquisador privado e começou a experimentar novos métodos de gravação de som, com a intenção de substituir os cilindros do fonógrafo de Thomas Alva Edison, que se desgastavam com facilidade. Em 1887, após poucos meses de trabalho, Berliner recebeu a primeira patente do aparelho que chamou de gramofone e, no ano seguinte, apresentou ao mundo o primeiro disco flexível gravável. No entanto, durante muitos anos, Berliner não conseguiu patrocinador para suas invenções, pois ninguém acreditava no futuro comercial daquela engenhoca dotada de uma enorme campânula, destinada a extrair sons de um disco circular, feito de zinco, com 12 centímetros de diâmetro, que girava a 150 rotações por minuto e tocava durante um minuto apenas. Em 1895, finalmente, Berliner convenceu a Companhia Ferroviária da Pensilvânia a investir US$ 25 mil em seu projeto e levou adiante as pesquisas que lhe permitiram registrar, em novembro de 1898, num cartório de Hanover, na Alemanha, a empresa Deutsche Grammophon Gesellschaft. Nos Estados Unidos, em 1901, Berliner se associou a Eldridge Johnson, engenheiro especialista em motores de rotação, e fundou a Victor Talking Machine Company. No ano seguinte, a Deutsche Grammophon fechou contrato com seu primeiro artista importante: o cantor russo Fiódor Shaliápin que, curiosamente, temia que o disco "devorasse" sua voz. Em 1913, a empresa europeia fez a primeira gravação completa de uma obra longa, a Quinta Sinfonia de Beethoven, regida pelo húngaro Arthur Nikisch, um dos maiores maestros da época. O resultado foi um conjunto de quatro discos de 78 rotações por minuto, que custavam uma fortuna. Durante a Primeira Guerra Mundial, os estúdios da Deutsche Grammophon em Berlim foram destruídos por um bombardeio, mas isso não foi o suficiente para pô-la fora de combate, pois a indústria de discos continuou trabalhando de madrugada, quando silenciavam as bombas inimigas. Depois que Berliner faleceu, em 1926, Eldridge Johnson vendeu a Victor Talking Machine Company para um banco que a revendeupara a Radio Corporation of America (RCA).





Membros Instituidores e Mantenedores:

ABCE CEMIG LIGHT ITAIPU BINACIONAL ELETROBRAS

Esta página está homologada para ser utilizada no navegador (browser) Mozila Firefox.
Caso você não o tenha instalado em sua máquina, utilize o link abaixo para baixá-lo.

Firefox